Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2012

Mulher perde 19 kg com cirurgia por hipnose;

Imagem
Juliana perdeu 19 kg em quatro meses com a hipnose cognitiva
Foto: Divulgação Quem luta contra a balança sabe o quanto é difícil resistir a um bolo de chocolate durante a dieta ou comer salada em um jantar com os amigos. Para driblar a compulsão, uma técnica promete controlar a ansiedade dos pacientes e fazer com que eles acreditem na existência de um balão imaginário em seu estômago. O método é chamado de hipnoterapia cognitiva, e combina hipnose clínica, terapia comportamental e técnicas imaginárias.
 Essa técnica faz com que o paciente siga qualquer dieta a risca de faca. É um treinamento motivacional para que ele se visualize fazendo o que não consegue. Por exemplo, tem gente que adora chocolate e deixa de gostar depois do tratamento, ou quando é realizada a cirurgia imaginária do balão intragástrico, o paciente passa a acreditar que existe um espaço menor no estômago e  começa a comer menos”, explicou o psicólogo Benom…

Cercada de mistérios, a hipnose

Imagem
Cercada de mistérios, a hipnose ainda é vista com olhos tortos por muitas pessoas. Talvez por seu passado obscuro, ligado ao curandeirismo e a rituais mágicos tão antigos quanto a humanidade. Poucos sabem, no entanto, que se trata de uma prática reconhecida pelo Conselho Federal de Medicina como ferramenta de apoio ao diagnóstico e tratamento médico desde o fim da década de 90. E, como tal, de mística ela não tem nada.Na terapia da hipnose, a pessoa não fica "inconsciente", como se acredita; ela apenas tem seu senso crítico diminuído e, com isso, fica mais aberta às sugestões dadas pelo médicoA hipnose nada mais é do que um mecanismo mental, totalmente explicável pela ciência. De acordo com Osmar Ribeiro Colás, obstetra e especialista em hipnose da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), entrar em estado hipnótico é algo fisiológico, natural do organismo, que experimentamos várias vezes ao dia. "Entramos e saímos toda hora de estados de hipnose, pois não conseguim…