MENTE CONSCIENTE.

Mente Consciente, porque ele está voltado para o nosso exterior social, sendo o detentor da realidade, da objetividade e da Razão.
Já o nosso Inconsciente Cerebral que gera a Mente Inconsciente tem, ou deveria ter como objetivo as funções internas fisiológicas; e, portanto, manter apenas, a vida biológica. Ele, o Inconsciente, se "julga" eterno (que seria sua meta desejável) e, assim, não deixa que esses criminosos ou vaidosos idosos, tomem conhecimento de seu fim, para que não sofram e não se deprimam com a lembrança do término de suas vidas terrenas e um possível julgamento de seus atos criminosos. O Inconsciente negativado está sempre a enganar o Consciente fragilizado dos imaturos de qualquer idade, raça, sexo e tamanho.
- Legisladores, juristas e governantes, em nome do Estado e do Povo, instituem leis severas e punitivas contra o uso de bebidas alcoólicas pelos motoristas, pretendendo assim, evitar infrações e crimes no volante. Esta é uma atitude Consciente do Estado que tenta diminuir a ação dos criminosos do trânsito (que chamo de "guerrilheiros do asfalto") que matam mais de 50.000 pessoas por ano e vitimam cerca de outras 150.000, no mesmo período, dando-nos o desonroso título de campeões mundiais da criminalidade. Isso, sem contarmos
com os bilhões de reais que saem,anualmente, dos nossos bolsos para acudir e reparar os acidentados, nos gastos com hospitais,manutenção de estradas,postes,sinalização destruídos nesses sinistros e com outros gastos bilionários despendidos pelo INSS, com a assistência médica permanente e aposentadorias precoce de muitos que escaparam com vida desses criminosos do volante e ficaram paralíticos por toda a vida, sem falarmos do sofrimento das famílias envolvidas, principalmente daquelas mais pobres, que são a maioria das nossas famílias.
Esse esforço governamental e o interesse demonstrado pelos nossos honrados políticos e pelas nossas competentes autoridades são atitudes certas e necessárias porque são nascidas do Consciente desses nossos dignos representantes que demonstram zelo pela preservação das nossas vidas. Porém, tudo isso e todo esse interesse que até nos causa desconfiança, vai por "águas abaixo", quando os Inconscientes desses governantes,políticos e autoridades, permitem e promovem a venda generalizada de bebidas para os próprios delinqüentes do volante. Essas mesmas autoridades se orgulham por transformarem as suas cidades em campeãs de vendas de bebidas alcoólicas! Um verdadeiro contraste comportamental que só pode ser explicado pela a ação do Inconsciente cerebral deles, que promove o alcoolismo e a bebedeira geral e total em todos os cantos deste País, tornando-o campeão da Imaturidade e em Recanto de ébrios e de cidadãos inconseqüentes.
Em todos os Países do mundo acontece o mesmo comportamento Inconsciente dos seus dirigentes e as mesmas conseqüências negativas em seus povos. Aqui, onde há séculos, os governantes e políticos já dão ao Povo o pão, através da distribuição politiqueira de fubá; o circo, pelo riso fácil e farto de comediantes e humoristas fracos e medíocres; pelo futebol, cada vez mais truculento e mercenário; pelos jogos de azar ou não, espalhados pelos quatro cantos e, agora, com maior intensidade, estimulando a embriaguês generalizada de milhões de imaturos que bebericam dia e noite em qualquer lugar onde possam se encharcar de destilados e fermentados, para a alegria e farra dos cervejeiros,cachaceiros e congêneres que lucram com o alcoolismo, com o tabagismo e outras dezenas de venenos entorpecentes da mente; aumentando o trabalho nos hospitais, dando mais emprego aos médicos,enfermeiros e demais profissionais da saúde, incrementando a renda e venda das funerárias, lucro à indústria farmacêutica e todos os envolvidos no comércio dos vícios, inclusive os governantes que arrecadam mais dinheiro para a manutenção dos imensos gastos no atendimento aos viciados ébrios,drogados,etc., nas suas obras sociais e na manutenção da classe política com os seus amigos,colegas,correligionários,eleitores imaturos e parentes.
Depois falaremos de outras conseqüências da "guerra" entre os nossos "Conscientes" e " Inconscientes" ; como: o "império do barulho"(já publicado), o "império da imaturidade", o "império da Ignorância" (já publicado), o "império da desonestidade", o "império da cachaça" e outros "impérios", já há muito florescente entre nós, decorrentes do conflito Consciente x Inconsciente.
Um dos bons exemplos de conflitos provocados pelos Inconscientes das pessoas é o que se verifica nos comportamentos dos membros de muitas famílias desestruturadas. Nota-se que eles, quando estão em casa, em família ou em qualquer lugar onde estiverem juntos, criam atritos, criticando,ofendendo, menosprezando ou agredindo uns aos outros, principalmente em festas ou eventos comemorativos de datas familiares, em aniversários, Natal, dia das mães, etc., dando a impressão de inimizade entre eles. Entretanto, fora de casa, em ambientes diversos, na escola, no trabalho, com colegas e amigos; comportam-se de forma contrária do convívio familiar. Longe da família são mais alegres, risonhos, tratam com carinho os que não são seus parentes e adquirem fama de simpáticos, bonzinhos, compreensivos e carinhosos. Esse modo de agir contrário ao seu natural em família, essa "mudança de personalidade" (o mais correto é falar em "desempenho de papéis") acontece porque os seus Inconscientes não estão em "guerra" com os Conscientes e/ou Inconscientes dos seus colegas, amigos e conhecidos. A "guerra" é contra os membros de sua família, onde seus Inconscientes se tornaram "inimigos" devido a conflitos vivenciados e sofridos entre eles, no contato direto na convivência familiar. É comum alguém, principalmente pai ou mãe, afirmar que em casa Fulano é calado e agressivo; enquanto que "na rua" o mesmo é brincalhão,calmo e carinhoso com os estranhos. Claro, o Inconsciente dele tem "alguma coisa" contra os de casa e, não, contra os de fora da família, com quem ele não conviveu desde criança. Nesses casos, normalmente não há conflitos Conscientes, ou seja, seus Conscientes não estão em conflito, pois nos momentos de dor, nos "apertos" familiares eles se abraçam se beijam, se solidarizam e se ajudam mutuamente. O difícil é se alegrarem ou festejarem juntos, pelo fato de seus Inconscientes negativos só "permitem" a manifestação de solidariedade na tristeza e no sofrer; na alegria e no prazer, não!
-Porque uma pessoa que tem um vício deseja que o outro participe do seu vício? Verifique alguém que fuma, bebe e que seja dependente de algum hábito nocivo e veja como ele procura induzir quem não é dependente, a ter os seus mesmos vícios! Isto porque o Inconsciente do viciado quer ter companhia em sua fraqueza mental; assim, quanto mais pessoas compartilhem com a sua deficiência mental; melhor e mais confortante será para ele, pois não estará solitário na sua fraqueza. A mesma coisa acontece quando o indivíduo é, ou se sente incapaz fisicamente, mentalmente,culturalmente, moralmente ou economicamente pobre. O Inconsciente frustrado de uma pessoa assim deficiente tenderá a se opor, rejeitar, contrariar, ofender, criticar ou agredir aquelas que são normais, cultas, estudiosas, sem vícios e honestas. Um claro exemplo de frustração inconsciente gerando agressividade é o que vimos, em algumas oportunidades onde se debatia a Moral e a Ética. Nelas presenciamos estudantes de Direito e pessoas de diversas idades, sexo, níveis sociais, econômicos e culturais afirmarem que se acharem dinheiro na rua elas o embolsariam, como se o alheio lhes pertencesse. Questionadas sobre o ato criminoso de se apossarem de um bem que não lhes pertencia; responderam, de forma agressiva, que "achado não tem dono", embora tal apropriação esteja prevista e classificada como crime, no Art. 169, II do Código Penal Brasileiro. Em um desses debates com universitários, em sala de aula, vimos apenas um dos alunos afirmar que não se apoderaria do dinheiro achado e o devolveria ao seu proprietário ou a quem de direito. Além das críticas raivosas, risadas e gozação dos colegas, esse único honesto ficou sendo rejeitado por quase todos os demais. Isso se explica porque os Inconscientes amorais dos seus colegas desejam que todos os outros também sejam desonestos. Como não têm a solidariedade de todos, surgiu a rivalidade, inveja e a frustração por verem alguém agindo de forma normal,honesta e sadia.Como a frustração é a causadora de todo ato agressivo e violento, podemos explicar a razão da raiva e da rejeição contra aquele aluno, cujo Consciente é digno da Espécie Humana; os Conscientes dos seus colegas foram derrotados por seu Inconscientes animalizados.
-Note o quanto reagem com agressividade muitos portadores de deficiência física quando sofre alguma crítica! A sua reação é motivada por seu Inconsciente que, buscando a perfeição e a integridade da sua imagem, ao se comparar com outra pessoa fisicamente normal, procura extravasar a frustração através da agressividade. Como já citamos antes, a Frustração leva à agressão e à violência; basta que se repare no estado mental,cultural e econômico de quem picha, estraga, agride e destrói os bens públicos e alheios. É muito duvidoso que alguém feliz, normal, sadio; material, cultural e mentalmente rico, ande por aí a agredir, matar, furtar, roubar ou destruir coisas!
- Por quais motivos as pessoas matam por amor e pelo ódio? Porque o amor é sentimento construtivo do Consciente; enquanto que o ódio é sentimento primário e animalesco do Inconsciente. Portanto, devemos ter um Consciente sábio e maduro para sabermos escolher amigos, companheiros, colegas e amantes que tenham seus Conscientes capazes de controlar os seus Inconscientes animais, para que não sejamos vítimas futuras dessas feras, quando seus "donos" ficarem frustrados conosco. O Amor genuíno e maduro é fruto do Consciente e, assim, só quer o Bem do outro. Enquanto que a Paixão e a atração física são geradas no Inconsciente da pessoa imatura.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A cirurgia HIPNOTICA de redução de estômago

Transtorno de Personalidade Borderline

HIPNOSE PODE MUDAR O DNA